Assine o Painel do Servidor e receba gratuitamente as principais notícias da semana.
Quero assinar!
São Paulo
Delegado pede plano de contingenciamento para evitar a suspensão de serviços da Polícia Civil
Sex, 28 de Julho de 2017 15:13

Segundo Waldir Antonio Covino, delegado-adjunto em exercício da Polícia Civil de São Paulo, a corporação está sem dinheiro. Por isso, ele pediu que seja elaborado um plano de contingenciamento de verbas. A ideia do delegado é que as contas sejam verificadas e que sejam definidos os serviços que deverão ser suspensos e em quais períodos.

A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo divulgou nota negando a falta de recursos. A Secretaria afirmou ainda que já foi realizado um pedido de suplementação orçamentária no valor de R$ 4,1 milhões e julgou precipitado o pedido do delegado-adjunto.

O Sindicato dos Delegados de Polícia de São Paulo, também em nota, saiu em defesa de Waldir Covino e questionou o posicionamento da Secretaria de Segurança Pública do Estado alegando que, enquanto a Polícia Civil passa por cortes nas verbas, a Polícia Militar de São Paulo está prestes a receber 72 viaturas e teve a autorização para abertura de concurso público com mais de duas mil vagas.

Veja os detalhes na reportagem da revista eletrônica Consultor Jurídico.


 
A Advocacia Sandoval Filho informa que o recebimento de e-mails estará suspenso entre os dias 17/12/2016 e 8/01/2017 por conta do período de recesso do Escritório.
Pedimos a gentileza de retornar o contato a partir do dia 9/01/2017. Agradecemos a sua compreensão.

fechar